Pioggia di primavera


Ieri sera mi sono addormentata con il suono dolce della pioggia sul tetto e stamattina lo stesso suono mi ha svegliato.  Non era la pioggia forte e battente ma quella pioggerellina tipica della primavera e…sarà stato un caso, non lo so…ma la radiosveglia, dopo un po’ è partita con questa canzone che personalmente adoro.

Il risveglio e il nuovo giorno hanno assunto un’atmosfera più dolce e io oggi ne avevo proprio bisogno.

E’ mah è forse è quando tu voli
É pau, é pedra, é o fim do caminho

Rimbalzo dell’eco è stare da soli
É um resto de toco, é um pouco sozinho

E’ conchiglia di vetro è la luna e il falo’
É um caco de vidro, é a vida, é o sol

E’ il sonno e la morte è credere no
É a noite, é a morte, é um laço, é o anzol

Margherita di campo è la riva lontana
É peroba do campo, é o nó da madeira

E’ Artù ahi ! E’ la fata Morgana
Caingá, candeia, é o Matita Pereira

E’ folata di vento onda dell’altalena
É madeira de vento, tombo da ribanceira

Un mistero profondo una piccola pena
É o mistério profundo, é o queira ou não queira

Tramontana dai monti domenica sera
É o vento ventando, é o fim da ladeira

E’ il contro è il pro è voglia di primavera
É a viga, é o vão, festa da cumeeira

E’ la pioggia che scende è vigilia di fiera
É a chuva chovendo, é conversa ribeira

E’ l’acqua di marzo è c’era o non c’era
Das águas de março, é o fim da canseira

E’ si è no è il mondo com’era
É o pé, é o chão, é a marcha estradeira

E’ Madamadorè burrasca passeggera
Passarinho na mão, pedra de atiradeira

E’ una rondine al nord la cicogna e la gru
É uma ave no céu, é uma ave no chão

Un torrente una fonte una briciola in più
É um regato, é uma fonte, é um pedaço de pão

E’ il fondo del pozzo è la nave che parte
É o fundo do poço, é o fim do caminho

Un viso col broncio perché stava in disparte
No rosto o desgosto, é um pouco sozinho

E’ spero è credo è una conta è un racconto
É um estrepe, é um prego, é uma ponta, é um ponto

Una goccia che stilla un incanto un incontro
Um pingo pingando, uma conta um conto

E’ l’ombra di un gesto è qualcosa che brilla
Um peixe, é um gesto, é uma prata brilhando

Il mattino che è qui la sveglia che trilla
É a luz da manhã, é o tijolo chegando

E’ la legna sul fuoco il pane la biada
É a lenha, é o dia, é o fim da picada

La caraffa di vino il viavai della strada
É a garrafa de cana, o estilhaço na estrada

E’ un progetto di casa è lo scialle di lana
O projeto da casa, é o corpo na cama

Un incanto cantato è un’andana è un’altana
É o carro enguiçado, é a lama, é a lama

E’ la pioggia di marzo è quello che è
São as águas de março fechando o verão

La speranza di vita che porti con te
É a promessa de vida no teu coração

E’ la pioggia di marzo è quello che è
São as águas de março fechando o verão

La speranza di vita che porti con te
É a promessa de vida no teu coração

E’ la pioggia di marzo è quello che è
São as águas de março fechando o verão

La speranza di vita che porti con te
É a promessa de vida no teu coração

E’ la pioggia di marzo è quello che è
São as águas de março fechando o verão

La speranza di vita che porti con te
É a promessa de vida no teu coração

E’ mah è forse è quando tu voli
É pau, é pedra, é o fim do caminho

Rimbalzo dell’eco è stare da soli
É um resto de toco, é um pouco sozinho

E’ conchiglia di vetro è la luna e il falo’
É um caco de vidro, é a vida, é o sol

E’ il sonno e la morte è credere no
É a noite, é a morte, é um laço, é o anzol

E’ la pioggia di marzo è quello che è
São as águas de março fechando o verão

La speranza di vita che porti con te
É a promessa de vida no teu coração

E’ la pioggia di marzo è quello che è
São as águas de março fechando o verão

La speranza di vita che porti con te
É a promessa de vida no teu coração

E’ la pioggia di marzo è quello che è
São as águas de março fechando o verão

La speranza di vita che porti con te
É a promessa de vida no teu coração

E’ la pioggia di marzo è quello che è
São as águas de março fechando o verão

La speranza di vita che porti con te
É a promessa de vida no teu coração

Una risposta a “Pioggia di primavera

  1. Grazie amica, ascoltando questa “dolcezza” sono
    “rinata”.

Rispondi

Inserisci i tuoi dati qui sotto o clicca su un'icona per effettuare l'accesso:

Logo WordPress.com

Stai commentando usando il tuo account WordPress.com. Chiudi sessione / Modifica )

Foto Twitter

Stai commentando usando il tuo account Twitter. Chiudi sessione / Modifica )

Foto di Facebook

Stai commentando usando il tuo account Facebook. Chiudi sessione / Modifica )

Google+ photo

Stai commentando usando il tuo account Google+. Chiudi sessione / Modifica )

Connessione a %s...